English
Diminuir tamanho da fonteAumentar tamanho da fonte

Dentre as ações da Campanha Mundial: Uma Família humana, pão e justiça social para todas as pessoas, a Cáritas Brasileira realizou o Seminário Internacional, com o tema Mulheres, Fome, Pobreza, Exploração e Tráfico Humano. Por meio da mobilização e articulação de pessoas e movimentos que já debatem sobre esses temas, o Seminário trouxe uma temática relevante para as ações que compõem o conjunto de atividades de visibilidade à Campanha e às protagonistas, no Brasil e no mundo, do enfrentamento da Fome e Miséria, que sofrem em maior grau a exploração e o tráfico.      

Uma iniciativa da Cáritas Brasileira em conjunto com Comissão Episcopal para o Serviço da Caridade, da Justiça e da Paz da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Pastoral da Mulher Marginalizada e a entidade norte-americana Catholic Relief Services, o Seminário reuniu cerca de 150 participantes de 15 a 17 de outubro para o Seminário Internacional, no Centro Cultural de Brasília/CCB.

Participaram, também, do evento a Cáritas da França e Espanha, além das secretarias de Políticas para as Mulheres da Presidência da República e a de Segurança Alimentar e Nutricional – SESAN, do Ministério do Desenvolvimento Social.

Em um momento em que a Cáritas articula discussões contra a fome, no Brasil e no mundo, dentro da Campanha Mundial, o evento tem programação direcionada ao debate sobre a realidade feminina e o papel da mulher no enfrentamento das situações de violação de direitos e cidadania, vivenciadas em todo o mundo. Segundo Maria Cristina dos Anjos da Conceição, diretora executiva nacional da Cáritas, “o objetivo é possibilitar uma maior compreensão da realidade das mulheres, no Brasil, no contexto da fome, pobreza e tráfico humano, buscando meios de transformação dessas realidades.”

Abordar aspectos da desigualdade de gênero, exploração sexual e tráfico humano em discussões sobre direitos, culturas, religiões e ações coletivas de empoderamento.

Participantes da Costa Rica, Espanha, França e Brasil mantiveram diálogo, durante três dias, por meio do envolvimento desses temas, nos colóquios, debates, momentos culturais e mini plenárias da programação.

 

Durante os três dias de encontro, participantes de variados grupos e movimentos dialogaram acerca de várias pautas inseridas na temática proposta pelo Seminário. Desses debates, foram encaminhadas propostas de políticas públicas, além da garantia de continuidade e sustentabilidade desses coletivos.

Foram produzidos três documentos durante o Seminário Internacional - Mulheres, Fome, Pobreza, Exploração e Tráfico Humano. 

Conheça-os:

CARTA_FINAL_DO_SEMINARIO

CARTA_DAS_MULHERES_NEGRAS

CARTA À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA

20141015_114524 20141016_124831 20141017_092836 DSC_0107 DSC_0118 DSC_0246 DSC_0258 DSC_0259