Diminuir tamanho da fonteAumentar tamanho da fonte
← Voltar

São Paulo recebe pelo segunda vez as “Jornadas Cáritas: histórias em refúgio”

O Centro de Referência para Refugiados, da Cáritas Arquidiocesana de São Paulo (CASP), lançou neste ano a série de encontros “Jornadas Cáritas: histórias em refúgio”, evento que irá levar seis palestras sobre refúgio a universidades localizadas em São Paulo. Em cada encontro será apresentada uma história relacionada com os critérios que fundamentam os pedidos de refúgio no Brasil, segundo a Lei do Refúgio 9474/97 – e diretrizes do Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR). A ideia é apresentar a experiência do deslocamento forçado, vivido pela pessoa refugiada, e também informações sobre as motivações que a obrigaram a deixar seu país de origem. 

A segunda edição ocorre no dia 15 de agosto, às 19h, no auditório da Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, e traz o depoimento do artista plástico Jamal Jaber Mohammed, do Iraque, e as conexões de sua trajetória com perseguições religiosas em seu país. A mediação é do diretor da CASP, Pe. Marcelo Maróstica. As “Jornadas Caritas: histórias em refúgio” assumem os objetivos traçados pela campanha mundial da Caritas Internacional, Compartilhe a Viagem (#ShareJourney), lançada no último ano pelo Papa Francisco que estimula as pessoas a serem mais sensíveis às causas do refúgio. 

Serviço:
Jornadas Caritas: histórias em refúgio(segunda edição)
Palestrante: Jamal Jaber Mohammed (Iraque)
Mediação: Pe. Marcelo Maróstica, diretor da CASP
Local: Auditório do Primeiro Andar da Faculdade de Direito do Largo de São Francisco (Largo do São Francisco, nº 95, Sé)
Entrada Gratuita.

Com informações da Cáritas Arquidiocesana de São Paulo