English
Diminuir tamanho da fonteAumentar tamanho da fonte

Papa Francisco e bispos abrem Portas da Misericórdia

11 de dezembro de 2015
AFP4788497_Articolo

Na manhã deste domingo, dia 13/12, o Papa Francisco abrirá a Porta Santa da Basílica de São João de Latrão, no Vaticano. No mesmo dia, cada bispo abrirá a Porta Santa da própria Catedral em todo o mundo. O fechamento desta Porta Santa havia ocorrido quando da conclusão do Jubileu da Misericórdia do ano 2000, em 5 de janeiro de 2001.

Francisco inaugurou o atual Jubileu da Misericórdia com a abertura da Porta Santa na Catedral de Bangui, na República Centro-Africana, no último dia 29 de novembro, durante sua recente viagem à África. “O Ano Santo da Misericórdia chega antes nesta terra. Uma terra que sofre há muitos anos com a guerra e o ódio, a incompreensão, a falta de paz. Mas, nesta terra sofredora, também estão todos os países que vivem a cruz da guerra. Todos pedimos paz, misericórdia, reconciliação, perdão, amor. Para Bangui, para toda a República Centro-Africana, para o mundo inteiro, para os países que sofrem com a guerra, pedimos a paz!”, disse ele durante a cerimônia.

A solenidade conduzida então pelo papa chamou a atenção da opinião pública mundial sobre os países que ainda vivem a guerra, casos da Síria, Líbia, Iraque e Iêmen, e também para aqueles que sofrem as consequências latentes de conflitos já encerrados, como a Tunísia, Gaza, Sarajevo, Ucrânia e Crimeia. Também nestes países serão abertas as Portas Santas da Misericórdia neste domingo, dia 13.

Logo após retornar da África, o Papa Francisco havia celebrado, na manhã de terça-feira, dia 8/12, durante a Solenidade da Imaculada Conceição, a abertura da Porta Santa da Basílica de São Pedro. As Portas Santas são abertas apenas durante os anos de jubileus, permanecendo fechadas no restante do tempo. Existem portas santas nas quatro basílicas papais – São Pedro, São João de Latrão, São Paulo fora de muros e Santa Maria Maior – e em catedrais. Na cerimônia realizada na Basílica de São Pedro, Francisco saudou o Papa Benemérito Bento XVI, que o aguardava ao lado da Porta Santa. Após o rito de abertura e depois do atual papa, com auxílio, Bento XVI subiu os dois degraus e foi o segundo a atravessar os marcos da abertura.

No mesmo dia 8/12, o arcebispo de Manila e presidente da Caritas Internacional, cardeal Luis Antonio Tagle, abriu a Porta Santa na catedral da capital filipina. O rito teve a participação especial de um grupo de pessoas com deficiência física e de dois ex-meninos de rua, os quais o ajudaram na cerimônia. O gesto simbolizava a opção preferencial, no Ano Santo, pelos pobres e pelos marginalizados, contra a corrupção e a violência contra as mulheres, e pelas crianças e pelos oprimidos.

Durante a missa, o arcebispo de Manila ressaltou a urgência de que se acabe com a corrupção e a opressão aos pobres e aos mais vulneráveis, exortando os fiéis a tornar a Misericórdia de Deus “mais visível” no mundo de hoje. “Este ano temos uma missão: difundir a misericórdia e construir um mundo fundado no amor de Deus”, disse. “Devemos construir uma sociedade fundada em Jesus misericordioso, e cada um de nós deve ser uma pedra desta sociedade de justiça, verdade e amor”. Em seguida, o purpurado filipino convidou os fiéis a passar também pelas “portas da caridade” dos sem-teto, dos pobres, dos encarcerados e dos enfermos.

Este é o 29º Jubileu da história da Igreja Católica, os quais podem ser identificados como anos cerimoniais centrados no tema da Misericórdia. O atual, inaugurado pelo papa Francisco, seguirá até 20 de novembro de 2016. A Igreja Católica iniciou a tradição dos Anos Santos com o Papa Bonifácio VIII, em 1300, e, a partir de 1475, determinou-se um jubileu ordinário a cada 25 anos. Até hoje, houve 26 Anos Santos ordinários e dois extraordinários (anos santos da Reden­ção: em 1933, com Pio IX, e em 1983, com João Paulo II). O jubileu consiste num perdão geral, uma indulgência aberta a todos, e na possibilidade de renovar-se a relação com Deus e com o próximo.

Fonte: Assessoria Nacional de Comunicação, com informações da Rádio Vaticano

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

MAGRE BRASIL

Redes Sociais

Cáritas Notícias

Cadastre-se e receba por e-mail nossos informativos.

Contato

Cáritas Brasileira
SDS - Bloco P - Ed. Venâncio III
Sala 410 - CEP: 70393-900


Brasília/DF
+55 (61) 3521-0350

caritas@caritas.org.br