Diminuir tamanho da fonteAumentar tamanho da fonte

Cooperação espanhola apóia ações para beneficiar 25 mil pessoas

01 de janeiro de 2008

De 9 a 15/1, representantes da organização espanhola, Manos Unidas, participaram de várias atividades no nordeste brasileiro, entre elas, um intercâmbio no município de Ouro Branco (AL). A equipe também acompanhou o processo de implantação do novo projeto da Cáritas NE 2 “Convivendo com o Semi-árido – melhoria das condições sociais econômicas e ambientais em comunidades rurais do semi-árido brasileiro”.
A iniciativa beneficiará cerca de 25 mil pessoas e tem o objetivo de promover a melhoria das condições de vida na região semi-árida através da ampliação do acesso à água e do aprimoramento dos modos de produção agrícola, além da atuação da população no controle de políticas públicas, entre outros.

O intercâmbio aconteceu entre os dias 7 e 9/1 e contou com a participação de representantes das quatro dioceses envolvidas no projeto Caruaru (PE), Palmeira dos Índios (AL) e Cajazeiras (PB), Patos (PB) e Guarabira (PB) , técnicos/as do secretariado Regional NE 2, além do prefeito do município de Poço Dantas (PB), Itamar Moreira Fernandes. Na ocasião, o grupo visitou as comunidades de Serrotinho e Brasilinha, onde conheceram as realizações do projeto “Convivendo com o Semi-árido e Plantando Cidadania”, também realizado numa parceria entre Manos Unidas e Cáritas NE 2, quanto à formação de núcleos produtivos, banco de sementes, construção de cisternas e recuperação de fontes hídricas.

Além do diálogo com famílias beneficiadas, os visitantes também compartilharam os processos e resultados vivenciados pelos Agentes de Desenvolvimento Local (ADLs) e conheceram a parceria estabelecida com as prefeituras dos municípios envolvidas no projeto. Na Câmara Municipal de Ouro Branco, no dia 8, o prefeito da cidade, Valdecir Ferreira da Silva e a gestora do município de Poço das Trincheiras, Maria Aparecida Ferreira, relataram a parceria feita no desenvolvimento das ações do projeto e enfatizaram a importância de realizações conjuntas entre sociedade civil e poder público.

No dia 9, foi a vez dos jovens capacitados para atuarem como ADLs apresentarem as experiências e o trabalho realizado. Os/as ADLs destacaram a relevância da formação como uma nova possibilidade de atuação em prol de suas comunidades e também como oportunidade de exercício profissional que estimula os/as jovens a aprimorar seus conhecimentos e trazer alternativas de convivência com a realidade da região onde nasceram.

Lucas Bolado e Izabel Ordoñez visitaram ainda algumas comunidades nas dioceses de Guarabira e Cajazeiras, na Paraíba, para conhecer de perto a situação de exclusão em que vivem os/as moradores/as de duas das áreas envolvidas no novo projeto. O município de Poço Dantas, que integra a região de Cajazeiras, está entre os cinco com menores Índices de Desenvolvimento Humano (IDHs) do estado da Paraíba. Nessa cidade, foram visitadas as comunidades de Miuns, Caje, Miranda e Recanto.

Durante as visitas, o responsável pelos projetos, do Departamento de Confinação de Manos Unidas, explicou como será desenvolvido o novo projeto na região. Lucas Bolado também ouviu o relato de moradores/as das localidades, como a agricultora Maria Aparecida Alves, sobre a dificuldade de sobrevivência nessas comunidades. Segundo Maria Aparecida, a comunidade de Miuns sofre com a falta d água e de alimentos. “Os moradores andam cerca de 2km para pegar água. Com a seca de alastrando, os assudes estão secando e a situação ficando cada vez pior”, comentou. Técnicos da Cáritas NE 2, o bispo da Diocese de Cajazeiras, Dom José Gonzáles Alonso, o padre Francisco Mendes e autoridades locais também acompanharam as visitas.

O projeto Convivendo com o Semi-árido – melhoria das condições sociais econômicas e ambientais em comunidades rurais do semi-árido brasileiro é fruto de um convênio de colaboração feito por Manos Unidas com a comunidade de Valência, na Espanha. As instituições apoiarão financeiramente e tecnicamente as ações que serão desenvolvidas pela Cáritas NE II.

* Assessoria de comunicação da Cáritas NE2
Kilma Ferreira e Helena Padilha*

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


MAGRE BRASIL

Faça parte dessa rede

Redes Sociais

Cáritas Notícias

Cadastre-se e receba por e-mail nossos informativos.
Prestação de Contas

Contato

Cáritas Brasileira
SDS - Bloco P - Ed. Venâncio III
Sala 410 - CEP: 70393-900


Brasília/DF
+55 (61) 3521-0350

caritas@caritas.org.br