Diminuir tamanho da fonteAumentar tamanho da fonte

Cáritas no Haiti: o furacão passou, mas a ajuda continua!

27 de janeiro de 2017

Mais de três meses após a passagem do furacão Matthew, a situação continua crítica com mais de 2,7 milhões de haitianos que necessitam de assistência humanitária, 75% dos quais estão localizados nas áreas mais atingidas do sudoeste. Mantimentos de emergência, acesso a água potável, saneamento, higiene e abrigo são as principais prioridades para a população afetada.

A Cáritas mobilizou mais de 30 organizações da sua confederação ao redor do mundo para contribuir com a reconstrução do Haiti. O orçamento estimado para esta ajuda é de 3.097.107 €. Atualmente, as organizações Cáritas já arrecadaram um valor total de 2.139.932 €, dos quais 1.325.220 já foram transferidos ao país.

As ajudas tem o foco nos esforços de recuperação mais sustentáveis. Com o auxílio da Cáritas Brasileira e demais organizações da confederação, a Caritas Haiti pretende contribuir para a recuperação de 6.550 famílias (31.250 pessoas), as mais afetadas pelo furacão Matthew. As principais atividades são: 1) revitalização de atividades agrícolas; 2) prevenção de doenças infecciosas; 3) reparação e reconstrução de casas; e 4) proteção do ambiente natural.

Próximos passos

Para os próximos 6 meses, a união entre governo local, Cáritas Haiti e as Cáritas ao redor do mundo deverão centrar esforços em:
• Construção de 200 clínicas móveis.
• Reparos de abrigos.
• Compra e distribuição de 1.560 caprinos.

SOS Haiti Furacão

A Cáritas Brasileira está fazendo a sua parte na campanha, e já arrecadou mais de 600 mil reais para ajudar as famílias haitianas. Mas a situação se agrava a cada dia, e a solidariedade de cada um e de cada uma conta muito. Contribua com o que puder!

Cartao

Situação Geral no País

ÁGUA: Até 750.000 pessoas ficaram sem acesso a água potável. Há uma necessidade urgente de reparar várias fontes de água afetadas pelo furacão nas regiões Sul e Grand’Anse.

ABRIGO: 1, 579.900 pessoas tiveram suas casas afetadas. Três meses após a passagem do furacão MAtthew, as pessoas ainda vivem em abrigos precários ou em escolas públicas. Abrigos permanentes e resistentes são uma prioridade.

AGRICULTURA: A insegurança alimentar continua a ser uma questão crítica. Além da destruição das plantações, verificou-se um aumento considerável do preço do cesto alimentar (até 14% em algumas zonas). Para evitar uma crise alimentar e nutricional no Haiti faz-se necessária uma ação urgente para revitalizar a agricultura.

SAÚDE: A falta de acesso a água limpa continua a ser um vetor chave da transmissão de cólera, o que torna a instalação de estações de tratamento de água ou pontos de cloração uma prioridade urgente para a ação. Os casos suspeitos de cólera aumentaram consideravelmente: em setembro de 2016 foram registrados 5.498 casos. Quase metade foi detectada nos departamentos do sul e nas regiões de Grand’Anse.

EDUCAÇÃO: UNICEF e parceiros setoriais identificaram 1.633 escolas que precisam de reparos, afetando aproximadamente 190.000 crianças.

SEGURANÇA: Desde 6 de janeiro, funcionários da ONU, Caritas e ONGs suspenderam temporariamente suas atividades em Grand’Anse e regiões do sul por razões de segurança. Esta semana, as operações humanitárias foram retomadas no Sul e estão recomeçando progressivamente em Grand’Anse.

30743784032_dddfd7f268_o (1)

3,2 milhões de pessoas afetadas / 2,7 milhões de pessoas que necessitam de assistência humanitária, das quais 1,1 são crianças / 806.000 pessoas com insegurança alimentar grave / 112.500 crianças com risco de desnutrição / 750.000 pessoas sem acesso a água potável para beber, cozinhar e higiene pessoal / 1.633 escolas em Necessidade de reparação, afetando 190.000 crianças / 40.462 casos de suspeita de cólera, 429 mortes / 550.000 pessoas precisam de “estabilização imediata dos meios de subsistência” e recuperação da sua economia local

Por Caritas Internationalis / Tradução de Cáritas Brasileira

Fotos por Caritas Internationalis

MAGRE BRASIL

Faça parte dessa rede

Redes Sociais

Cáritas Notícias

Cadastre-se e receba por e-mail nossos informativos.
Prestação de Contas

Contato

Cáritas Brasileira
SDS - Bloco P - Ed. Venâncio III
Sala 410 - CEP: 70393-900


Brasília/DF
+55 (61) 3521-0350

caritas@caritas.org.br